Policiais da Força Tática são recolhidos por alvejar tiros contra ladrão

Foram recolhidos até o término das investigações em que ladrões armados foram mortos após policias reagiram contra as injustas agressões.

Compartilhe:

Foi avistado no banco de trás outro indivíduo também de arma em punho que não obedeceu a ordem de largar a arma, também atingido por disparos

Ao visualizar o vídeo em que dois policiais alvejam vários tiros contra um ladrão que também portava uma arma dentro de um carro acende a antiga questão de abuso de autoridade por parte da Corporação Policial, mas que ante tal afirmação faz precisão de provas e investigações.


Segundo o Boletim de Ocorrência (B.O), durante patrulhamento de Força Tática pela área da 1° Cia, foi irradiado pelo Centro de Operações da Polícia Militar do Estado de São Paulo (Copom) que pela Rua Alexandre Dumas, indivíduos haviam roubado e se evadiram no veículo GM/Onix branco de placas FDN-2473.


Durante o trajeto, pela Avenida João Dias, a viatura se deparou com o veículo no sentido bairro, enquanto a equipe se deslocou sentido ao referido local. Sobre a Ponte João Dias foi avistado o veículo em fuga pela contramão de direção sentido Av. Das Nações Unidas, com diversas viaturas no acompanhamento. Ao acessar a referida via esta equipe passou a acompanhar o veículo que veio a colidir com o veículo Honda FIT azul e com o poste, momento em que o motorista do Onix desceu com arma em punho sendo alertado para largar a arma. Como o assaltante não obedeceu, foi atingido por disparos efetuados.


Durante diligências, foi avistado no banco de trás outro indivíduo também de arma em punho que não obedeceu a ordem de largar a arma, portanto também foi atingido por disparos dos policias acima citados.

No local compareceu Comando de Força Policial (CFP), Supervisor Regional, Poder Judiciário de São Paulo (PPJM) e equipe do resgate que constatou óbito. Conforme dados ao 11° Distrito Policial, a delegada de plantão solicitou perícia para o local e direcionou a ocorrência a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) que elaborou boletim de ocorrência devido à natureza morte decorrente de intervenção policial, lesão corporal/acidente de trânsito e roubo
Conforme atualizações do caso segundo a Secretaria de Segurança Pública, os policiais militares envolvidos na ocorrência que ocasionou a morte dos ladrões. Foram recolhidos até o término das investigações em que ladrões armados foram mortos após policias reagiram contra as injustas agressões. (COM/INDNEWS)

Leia o anterior

Adolescentes são pegos com drogas perto do Poupa Tempo

Leia a seguir

Homem louco faz as vezes de dublê no capô do carro em alta velocidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *